sexta-feira, 29 de abril de 2011

Opinião #21: "A Luz do Fogo" (Livro)

- A LUZ DO FOGO -

Capa:

Autora:
Sophie Jordan

Informação:
Edição/reimpressão - 2011
Páginas - 296
Editor - Livros d'Hoje
ISBN - 9789722045087
Idioma - Português

Sinopse:
Marcada como especial numa idade precoce, Jacinda sabe que cada movimento seu é controlado, mas anseia pela liberdade de poder fazer as suas próprias escolhas. Quando quebra o princípio mais sagrado entre a sua espécie, quase chega a pagar por isso com a própria vida. Até ser salva por um belo desconhecido. Um desconhecido que foi enviado para caçar aqueles que são como ela. Jacinda é uma draki - descendente de dragões cuja maior defesa é a habilidade secreta de mudar para a forma humana.
Forçada a fugir para o mundo mortal com a sua família, Jacinda esforça-se por se adaptar ao seu novo ambiente. A sua única luz é Will. Um jovem lindo e evasivo que devolve a vida ao seu draki interior. Embora se sinta irresistivelmente atraída por ele, Jacinda sabe o segredo obscuro de Will: ele e a sua família são caçadores. Deve, por isso, evitá-lo a todo custo.
Mas o seu draki interior está a morrer lentamente - se ele morrer, ela será humana para sempre. Fará tudo para impedir que isso aconteça. Mesmo que isso signifique ficar mais perto do seu mais perigoso inimigo.
Poderes míticos e um romance de tirar o fôlego inflamam a história de uma rapariga que desafia todas as expectativas e cujo amor atravessa quaisquer obstáculos.

[COMPRE ESTE LIVRO NA WOOK]

-----

Opinião:

Finalmente, alguma coisa diferente! Assim que li a sinopse deste livro, adorei logo a ideia. Não é comum aparecerem livros com dragões, quanto mais com uma variante nova a partir dos dragões: os drakis, descendentes dos dragões da antiguidade, que têm a capacidade de se transformar em humanos.

Ao começar a leitura, só pensava: "Por favor, que não seja um daqueles livros com uma óptima ideia e uma péssima execução...". Mas não foi, e devo dizer que gostei bastante do livro.

Não vale a pena falar muito da história em si, porque a sinopse é bastante completa. O grande ponto positivo deste livro é, claro está, a originalidade da existência dos drakis. A sociedade formada por eles é bastante curiosa, e é pena que não tenha sido melhor explorada neste livro (mas pelo final, é provável que no próximo já o seja). O facto de apenas se transformarem pela primeira vez em drakis por volta dos 13 anos (ou poderem não se transformar de todo), de poderem ter um de vários "poderes", uns mais comuns do que outros, e mesmo a forma como a sociedade em si está construída (quase como uma matilha de lobos, com um macho alfa que dita a ordem das coisas), é mesmo uma novidade, pelo menos para mim (que leio bastante fantasia).

Agora, o ponto negativo. A construção da relação amorosa entre Jacinda e Will. Houve várias alturas em que eu ponderei seriamente se ela, para além de se poder transformar num dragão, se não seria também bipolar. Ora gosta bastante dele e não pode estar um segundo afastada do rapaz que mantém o seu draki vivo, ora anda a fugir dele como da peste, a tratá-lo mal e a ignorá-lo, porque afinal ele é um caçador e não pode descobrir o seu segredo. Era normal que ela tivesse este tipo de dúvidas ao longo do livro, mas não mais do que uma vez na mesma página. E vai acontecendo, acontecendo, acontecendo... Nem sei como é que o rapaz aguentou. Para além de numa página ela só querer estar com ele para o usar, e na seguinte já estar completamente apaixonada por ele. Há momentos bonitos entre eles, mas a relação em si podia ter sido melhor trabalhada.

Fora isso, há pelo menos um ponto alto da história que é mal resolvido (se um rapaz encontra sangue roxo da "namorada" numa camisola, não é muito provável que se deixe convencer quando ela apenas o beija para não continuar a conversa, e nunca mais refira o assunto, não é? Era sangue ROXO), mas no geral a minha opinião do livro é bastante positiva. Acho que qualquer pessoa que já tenha passado por uma situação em que alguém tenta mudar a sua identidade, apagar aquilo que a torna única, se vai identificar bastante com a personagem de Jacinda.

Espero pelo segundo para conhecer um pouco mais dos drakis e do destino de Jacinda!

1 comentário:

  1. aiii quero tanto ler este livro *.* estou farta de me babar para ele e ate ja o pus na estante da sala para nem o ver =s

    estou a ver pela tua opiniao que vai valer muito a pena

    ResponderEliminar